ExpressoPB

Amadeu quer copiar regulamento da Bahia no Paraibano 2018


O presidente da Federação Paraibana de Futebol tem como principal objetivo para 2018 reduzir o número de datas do Campeonato Paraibano. Contudo, nesta terça-feira, Amadeu Rodrigues indicou a competição em que ele se espelha como o modelo ideal para implantar no Estado. Em entrevista à rádio CBN João Pessoa, o dirigente afirmou que a Bahia consegue realizar um campeonato competitivo e enxuto.

Amadeu contou que a principal preocupação é que, apesar do calendário dos estaduais já ter sido divulgado pela Confederação Brasileira de Futebol, ainda falta ser anunciado as datas da Copa do Nordeste, o que poderia comprometer a competição estadual. – O que foi divulgado pelo calendário são os estaduais com 18 datas. A nossa preocupação é que os regionais como a Copa do Nordeste ainda não têm data definida. Inclusive, eu vou levar esse questionamento à CBF. O único Estado que consegue realizar um campeonato realmente enxuto é a Bahia – disse o presidente da FPF.

O Campeonato Baiano de 2017 foi realizado em 15 datas. Porém, isso só aconteceu porque a competição é formada por 11 equipes. Na Bahia, os 11 clubes disputaram uma primeira fase numa classificação com apenas jogos de ida. Os quatro melhores classificados foram para a semifinal com partidas de ida e volta. O mesmo foi válido para a final.

O Baianão, inclusive, começou no final de janeiro e terminou no dia 7 de maio, o mesmo dia do encerramento do Paraibano. A diferença é que na Paraíba, a competição começou no início de janeiro.

Caso o modelo fosse implantado na Paraíba, o estadual seria disputado em 13 rodadas. E em comparação com o Campeonato Paraibano deste ano, a primeira fase seria reduzida pela metade. De 18 rodadas com jogos de ida e volta na fase de classificação, a competição passaria a ter apenas um turno com 9 datas. A fase de mata-mata permaneceria da mesma forma, com confrontos de ida e volta nas semifinais e final.

O tema redução da quantidade de jogos do Campeonato Paraibano 2018 vai ser um dos principais assuntos tratados na primeira reunião da FPF com os 10 representantes dos clubes que vão disputar a competição. O encontro acontece nesta quarta-feira, às 15h, na sede da entidade. Inclusive, mesmo antes da reunião acontecer, o assunto já rendeu polêmica. O Treze, por exemplo, já anunciou que a intenção do clube é pela manutenção do campeonato de 2017. Enquanto isso, o Botafogo-PB admitiu que devido ao ano atípico de Copa do Mundo, o melhor para a Paraíba é enxugar o calendário.

Além de Botafogo-PB e Treze, estão garantidos no Campeonato Paraibano de 2018 Atlético de Cajazeiras, Auto Esporte, Campinense, CSP, Desportiva Guarabira, Nacional de Patos, Serrano-PB e Sousa.

Redação com globoesportes.com

Artigos relacionados

Orgy