ExpressoPB

Ricardo Marcelo quer PMDB unido em 2018 e reconhece que atuação de Lira o credencia à reeleição


O ex-presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, deputado estadual Ricardo Marcelo (PMDB), disse em entrevista que segue com o projeto de unir o partido no Estado para as eleições de 2018. Já em nível nacional, ele destaca que o cenário permanece nebuloso, tendo em vista as medidas impopulares do governo do presidente Michel Temer.

Segundo o parlamentar, as eleições de 2018, serão totalmente atípicas. “O povo está frio e isso, em parte, se deve à ausência de líderes, pois não há a renovação das lideranças, tanto no cenário estadual como no nacional. Portanto, só cabe esperar e participar das discussões, para que a população participe do processo, já que é ela que elege ou derrota um candidato”, disse Ricardo.

Ele também disse ser defensor de um ampla aliança do PMDB com outras siglas. “Para se ganhar, tem que existir a aglutinação de forças e partidos. Eu apoio isso”, afirmou o parlamentar.

Avaliando alguns quadros do seu partido, Ricardo Marcelo destacou que vê com bons olhos o mandato do senador Raimundo Lira. “Lira é um homem que trabalha por toda a Paraíba. Eu tenho uma avaliação muito positiva do seu mandato”, comentou, afirmando, nesse sentido, que é louvável o PMDB lançar Lira ao Senado, dentro de um grande arco de alianças.

Redação

Artigos relacionados

Orgy