ExpressoPB

“Transposição lava a alma dos nordestinos”, afirma Dilma Rousseff


Em seu discurso durante solenidade na praça principal do município de Monteiro, a ex-presidente Dilma Rousseff afirmou que a obra da Transposição do rio São Francisco “lava a alma do povo nordestino”. Ela ainda classificou como ‘cara de pau’ e ‘mentirosos’ os aliados políticos do presidente Michel Temer.

“Vejam vocês a cara de pau em dizer que uma obra de Transposição, do tamanho dessa, podia ser feita em seis meses”, frisou.

A petista relembrou o início da obra, no governo do ex-presidente Lula. “Eu tive a honra de ter dado prosseguimento e deixei a obra quase pronta”, garantiu.

O discurso de Dilma chegou a ser interrompido enquanto manifestantes gritavam “Fora, Temer”. Dilma também falou sobre o processo que culminou em seu impeachment. “Sou obrigada a dizer que o golpe não acabou. Faz parte do golpe mentiras sistemáticas como levantar o dedo, vir aqui e dizer que concluiu a obra”, afirmou.

Segundo ela, a gestão petista interrompeu o processo de retirada de direitos da população, como privatização e redução de programas sociais.

“Até as pedras sabem que não cometi nenhum crime de responsabilidade”, disse, referindo-se aos seus algozes de golpistas.  “Deixamos a obra praticamente pronta. Esses golpistas são cara de pau e agora querem se apresentar como país do projeto.

Dilma afirmou ter orgulho de participar do ato e acompanhar a chegada das águas da Transposição. “O povo brasileiro também precisa lavar a alma e só as eleições podem lavar a alma do povo brasileiro”, afirmou.

Da redação

Com MaisPB

Artigos relacionados

Orgy