ExpressoPB

ASSISTA: Princípio de rebelião no Presídio Regional de Sapé deixa familiares de presos em desespero


(Última atualização: 21h53) Um principio de rebelião foi registrado na noite desta terça-feira (14) no Presídio Regional de Sapé, Zona da Mata da PB. (Veja vídeo abaixo)

Segundo informações os presos atearam fogo nos colchões e iniciaram um motim com  o objetivo de chamar a atenção para algumas reivindicações.

A direção do presídio acionou a Polícia Militar para conter os presos e adentraram ao recinto.

Do lado de fora familiares acompanham a movimentação e muitos entram em desespero sem ter informações do que vem ocorrendo na parte de dentro do presídio.

 

Por volta das 21h50 a assessoria da Polícia Militar da Paraíba informou que a situação no presídio foi controlada, sem nenhum detento morto, como foi divulgado sem que a informação fosse checada com a fonte oficial. Segundo o comandante do 7º Batalhão, tenente-coronel Campos, a corporação prestou todo o apoio necessário com o efetivo ordinário e a tropa de Choque do lado de fora, prontos para uma intervenção, caso fosse necessário. O GPOE (Grupo Penitenciário de Operação Especial) controlou o princípio de tumulto dentro do presídio e nenhum preso saiu ferido. Foram socorridos dois presos por problemas de saúde específicos (um por epilepsia e outro que estava com a pressão alta).

O princípio de tumulto teria sido causado porque os presos estariam reclamando de uma determinada refeição e começaram a jogar colchões no pátio para queimar como forma de protesto, mas só conseguiram tocar fogo em um dos colchões.

 

Da Redação 
Do ExpressoPB

Artigos relacionados